quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Eu sou pessimista de nascença

Todos os dias tento me doutrinar quanto ao meu pessimismo natural... é.. eu sou uma pessimista. E a vontade de levar uma vida mais leve me faz exercitar meus poréns, bani-los, afogá-los em vários mantras que repito toda hora:
"Conta até dez... um, dois, três..."
"Isso não é nada! Pense em sua filha!!"
"Você precisa deste emprego!"
"Essa pessoa não tem culpa do teu mau-humor!"
Mas às vezes eu não consigo disfarçar. Eu detesto puxar o saco, não sou de ficar me humilhando para pessoas que se acham melhores que eu, detesto ver má-educação, eca... e passo o dia tentando evitar determinadas situações para não perder o bom-humor.
Só que sempre tem um bronco, mal-educado onde a gente menos espera. Sempre tem um sujeito tentando galgar posições subindo nas costas da gente. É comum encontrar aquelas criaturas que nada fazem a não ser "gargantear" e levar os louros resultantes do serviço dos outros... e isso enche o saco. Não há bom humor que perdure. E para uma pessoa naturalmente invocada e mau-humorada como eu, é o estopim de muitas coisas ruins que podem acontecer se houver uma explosão.
Preciso me cuidar muito comigo mesmo, pois tem vezes que acho que sou um relógio-bomba... tic-tac, tic-tac ...
...
Beijo

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

=^o^=

Meus Tweets