quarta-feira, 17 de junho de 2009

A vida como ela é

Começaram alguns probleminhas que já eram previstos desde que eu optei por colocar minha filha estudar no colégio em que está hoje. Por exemplo, hoje chorou que queria um álbum de figurinhas da Hannah Montana como a coleguinha dela.
Eu disse que não, pois não tinha dinheiro na volta do colégio. Ela emburrou.
Quando cheguei em casa, antes do banho, sentei ela na minha perna e perguntei:
- Quem é a Hannah Montana?
- Ah, mãe. Não sei, mas eu quero.
Expliquei a ela que se fosse um álbum da Moranguinho, Hello Kitty ou qualquer personagem que ela conhecesse eu até pensaria. E que ela já tem o álbum das Princesas para completar. Mas não adiantou o meu argumento. Ela continuou emburrada.
Então contei uma história de quando eu queria muito uma mobilete e o quanto sofri porque meu pai não me deu. Não adiantaram as promessas, mil tentativas, nada... ele não abriu mão de sua posição. E foi bom! Eu era tão inconsequente que não sei se estaria aqui para contar isso caso ele tivesse cedido.
Bem, expliquei que nem sempre o que o outro tem, podemos ter, coisa e tal. Que eu pago bem caro o colégio, para ela ter um estudo bom, então por causa disso a gente tem que economizar em algumas coisas... ela foi entendendo, e agora está ali brincando, dançando... nem parece a mesma que era o desencanto em pessoa quando adentrou pelo apartamento hoje.
Filhos, só tendo para saber!
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

=^o^=

Meus Tweets